Modelo de processo fabril para indústria 4.0 será apresentado durante a Mercopar

Modelo de processo fabril para indústria 4.0 será apresentado durante a Mercopar

13/08/2021

A 30ª Mercopar – Feira de Inovação Industrial, que acontecerá nos dias 5, 6 e 7 de outubro, no Centro de Feiras e Eventos Festa da Uva, em Caxias do Sul/RS, contará com uma nova atração: a Célula Conceito Indústria 4.0. Iniciativa da Rede RS Indústria 4.0 em parceria com o Senai-RS e o Sebrae-RS, o espaço irá aproximar as premissas e ferramentas da Indústria 4.0 das empresas e mostrar que é possível inserir tecnologias que otimizem os processos, visando ao aumento de produtividade, qualidade e flexibilidade.

Para o diretor técnico do Sebrae RS, Ayrton Ramos, o espaço irá materializar os ganhos da utilização de tecnologias habilitadoras da manufatura avançada. "Será a primeira vez que a Mercopar demonstrará ao público um processo fabril real. As pessoas terão a oportunidade de visualizar os diferenciais e a agilidade que a tecnologia pode proporcionar para a indústria", afirma.

A Célula Conceito Indústria 4.0 é um projeto que vai iniciar durante a Mercopar 2021 e tem como objetivo ser implantado em uma fábrica real. De acordo com o professor Néstor Ayala, coordenador da Rede RS Indústria 4.0, o diferencial da proposta da célula é que, em outras exposições, o produto era criado especificamente para mostrar as tecnologias da Indústria 4.0. "Quando vamos resolver o problema de uma empresa, o produto normalmente não pode ser adaptado. São as tecnologias que devem se adaptar para montar o produto. E o nosso demonstrador fará isso", explica Ayala. Ainda segundo o professor, o trabalho de colaboração que será realizado entre os fornecedores servirá tanto para gestores, quanto para as empresas entenderem o trabalho de cada um na implantação da Indústria 4.0 dentro das fábricas. "A Indústria 4.0 é um quebra-cabeça que deve ser montado. Por um lado, pelo cliente, que precisa entender o processo de montagem e, por outro, pelas empresas, que têm a necessidade de saber que fazem parte do processo. Esse é o grande desafio da Indústria 4.0", ressalta.


Comunicação da FIERGS