Sindicatos do setor metalmecânico e eletroeletrônico reunidos com o Ministério da Economia

Sindicatos do setor metalmecânico e eletroeletrônico reunidos com o Ministério da Economia

17/12/2020

Em audiência por videoconferência, o Simecan (Sindicato das Indústrias Metalmecânicas e Eletroeletrônicas de Canoas e Nova Santa Rita) e demais entidades ligadas ao setor no Rio Grande do Sul, estiveram reunidos terça-feira (15), com o secretário Especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia, Roberto Fendt Junior. O objetivo foi expor os problemas que as empresas de pequeno porte estão enfrentando com a escassez e os reajustes abusivos do preço do aço. O encontro foi agendado pelo deputado Federal do RS, Lucas Redecker, e pelo senador gaúcho Lasier Martins.

Segundo o presidente do Simecan, Roberto Machemer, o setor está sofrendo um desabastecimento completo de chapas finas a frio e a quente, e aços redondos, além de outras bitolas. "Esta situação traz um prejuízo imenso aos pequenos, visto que a quantidade fornecida não é suficiente nem para abastecer os maiores consumidores, muito menos os revendedores que não possuem o produto para entrega", enfatiza Machemer.

"A reunião foi muito boa, onde conseguimos levar ao Governo Federal a situação do aço atualmente. Um encontro onde participaram 11 sindicatos metalmecânicos do RS, com os diretores do Ministério da Economia. Recebemos um norte de como devemos encaminhar o pleito da isenção momentânea do imposto de importação destas matérias. Nossa solicitação será analisada por um colegiado, reforçando a necessidade da redução temporária deste tributo, para abastecer a indústria gaúcha e nacional", complementou o presidente do Simecan. O pleito será protocolado nos próximos dias, para análise, e encaminhamento de debate sobre o assunto a partir da segunda quinzena de janeiro.

Revista News

O SinmaqSinos participa desta ação

 

 


<!--[if !supportLineBreakNewLine]-->
<!--[endif]-->